Vettel vence GP da Austrália 2017

Ferrari faz melhor estratégia e alemão ganhou a liderança nos boxes, garantindo a vitória.

 

Após o treino de classificação todos acharam que a Mercedes sairia na frente, ganhando a primeira etapa. Sebastian Vettel venceu o GP da Austrália após ótimo trabalho da equipe Ferrari, desbancando o pole Lewis Hamilton no trabalho de pit stop.

Hamilton entrou no pit e quando saiu para a pista ficou preso atrás de Verstappen, e com isso Vettel retornou da parada na liderança. A Ferrari após uma ano de jejum  voltou a vencer , Valtteri Bottas chegou a ameaçar Hamilton na briga pelo segundo lugar mas acabou em terceiro. Felipe Massa chegou na sexta colocação.

Resumo prova.

Ricciardo teve problemas na volta de formação do grid e o australiano teve que largar dos boxes e com duas voltas de prejuízo.  Por conta disso, na formação do grid aconteceu um erro de posicionamento dos carros e a largada fora abortada.

Acertado o grid, Hamilton pulou a frente, seguido por Vettel, Bottas e Raikkonen. Ericsson e Magnussen se enroscaram e foram parar na área de escape.

Duas voltas depois Ricciardo saiu dos boxes, mas infelizmente a corrida já estava totalmente comprometida.

Na Decima volta Vandoorne entrou para os boxes, motivo era a  falta de potência no motor, perdeu muito tempo.

Palmer com problemas de freio, Grosjean abandonou com problemas de motor, isso tudo com apenas 15 voltas completadas.

Na volta 17, Hamilton foi o primeiro a parar, ele trocou pneus para compostos macios. Palmer finalmente abandonava.

Vettel permaneceu na ponta por mais cinco voltas, enquanto isso Hamilton tentava tirar a diferença, mas acabou preso atrás de Verstappen que ainda não tinha parado.

Depois de sua parada, Vettel retornou à frente de Hamilton e Verstappen.

Ericsson abandonou a prova na volta 24, na volta 26 Verstappen finalmente foi para o pit,  para Hamilton já não dava mais.  Raikkonen, somente parou na volta 27.

As posições na pista ficaram com Vettel na ponta, seguido por Hamilton, Bottas e Raikkonen.

Na volta 29 Ricciardo abandonou. Vettel já tinha mais de 6 segundos em relação a Hamilton, que tinha cinco em relação a Bottas.

Logo Bottas começou a se aproximar mais de Lewis, a diferença caia de três segundos e Vettel abria mais de oito segundos em reação a Lewis.

Volta 43, Lance Stroll, 13a colocado, errou sozinho e foi para a área de escape obrigando a abandonar a prova por danos no assoalho.

Magnussen abandonou a corrida na volta 50 e Fernando Alonso que estava na zona de pontuação, tirando tudo que podia da sua a McLaren, levou uma dupla ultrapassagem de Ocon e Hulkenberg, caindo para 12o  e abandonou uma volta depois. Vettel continuou tranquilo para a vencer. Hamilton e Bottas completaram o pódio. Raikkonen completou em quarto, Verstappen o quinto. Felipe Massa finalizou no sexto posto.

Confira como ficou o GP da Austrália:

1) Sebastian Vettel (ALE/Ferrari), 1:24’11.670
2) Lewis Hamilton (ING/Mercedes), +9.975s
3) Valtteri Bottas (FIN/Mercedes), +11.250s
4) Kimi Räikkönen (FIN/Ferrari), +33.393s
5) Max Verstappen (HOL/Red Bull-TAG), +28.827s
6) Felipe Massa (BRA/Williams-Mercedes), +1’23.386s
7) Sergio Pérez (MEX/Force India-Mercedes), +1 Volta
8) Carlos Sainz (ESP/Toro Rosso-Renault), +1 Volta
9) Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso-Renault), +1 Volta
10) Esteban Ocon (FRA/Force India-Mercedes), +1 Volta
11) Nico Hülkenberg (ALE/Renault), +1 Volta
12) Antonio Giovinazzi (ITA/Sauber-Ferrari), +2 Voltas
13) Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren-Honda), +2 Voltas
OUT) Fernando Alonso (ESP/McLaren-Honda)
OUT) Kevin Magnussen (DIN/Haas-Ferrari)
OUT) Lance Stroll (CAN/Williams-Mercedes)
OUT) Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull-TAG)
OUT) Marcus Ericsson (SUE/Sauber-Ferrari)
OUT) Jolyon Palmer (ING/Renault)
OUT) Romain Grosjean (FRA/Haas-Ferrari)

About The Author